piadex

Havia um único neurônio no cérebro de um homem.
Um dia, um outro neurônio passa por lá meio apressado.
O neurônio solitário diz:
– Olá! Tudo bem? Como vai? Prazer em vê-lo! Vamos conversar?
O neurônio que passava pelo cérebro estranha a hospitalidade e responde:
– Olá, companheiro! Posso saber o motivo de tanta felicidade ao me ver?
– Quer saber? Você é o primeiro neurônio que vejo passar por aqui depois de décadas…
Estou sozinho há tanto tempo nesse maldito cérebro…
– Mas espera aí… há quanto tempo você está aqui solitário?
– Bem…
Desde sempre… Sempre estive aqui…
– Cara, mas você é burro mesmo!
Desce pro pinto… Tá todo mundo lá!

Fonte: email do trabalho

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: